CONHEÇA SEU PNEU

Os pneus são o único ponto de contato entre o automóvel e o solo, por isso, é tão importante saber sobre as suas características e os processos para adquirir o pneu certo para o seu veículo, assim como entender a melhor forma de usá-lo e garantir uma melhor performance.

Banner

Todos os pneus são formados por compostos de borracha, estruturas metálicas e tecidos. Mas, apesar da estrutura básica comum, os pneus possuem características e aplicações diferentes. O desenho da banda de rodagem, por exemplo, pode variar de acordo com três padrões descritos abaixo.

1. Pneus Simétricos

São aqueles cujo desenho tem ambas as partes iguais, quando se passa uma linha imaginária pelo centro do desenho da rodagem. São pneus que permitem a aplicação em qualquer sentido de rotação.
Um teste simples para confirmar isso: com o pneu no chão, repare nos desenhos da banda de rodagem. Gire o pneu uma volta, em torno do seu eixo vertical. O desenho continuará com a mesma direção.

2. Pneus Assimétricos

Os pneus assimétricos são aqueles cujo desenho tem ambas as partes diferentes quando se passa uma linha imaginária pelo centro do desenho da rodagem. O lado interno do pneu prioriza a rápida eliminação de água, a área central a tração, e o lado externo a dirigibilidade. Estes pneus exigem atenção na montagem onde a marcação na lateral "Outside" (lado externo) deve ficar voltada para o lado de fora do veículo.

3. Pneus Direcionais

Pneus direcionais são aqueles cujo desenho em “V” exige a aplicação no sentido de rodagem do veículo. Possuem identificação na lateral ou na rodagem o sentido de rotação para a aplicação.

Banner FAQ

No flanco do pneu estão gravadas informações completas para ajudar você a identificar, adquirir e oferecer vida longa aos seus pneus. Veja como fazer a leitura abaixo:

Modelo do pneu

Esse é o nome do seu pneu Falken. Nele, além dessa informação, outras indicações podem estar gravadas:

TT - (Tube Type): Pneu com câmara;

TL - (Tubeless): Pneu sem câmara;

M+S - (Mud and Snow): Pneu para lama e neve;

LT - (Light TruckPneu para Pick-ups e SUVS;

País de origem;

Flecha de rotação: importante para identificar o “lado certo de rodar”, quando o desenho da banda de rodagem é direcional;

TWI - (Tread Wear Indicator): Indicador de desgaste da banda de rodagem;

XL - (Extra Load): Pneu reforçado;

Marcação Outside/Inside: aponta qual lateral precisa ficar voltada para o lado de fora, em pneus com banda de rodagem com desenho assimétrico;

MFS - (Maximum Flange Shield): Protetor de borda de roda.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Largura nominal

É a distância linear entre as paredes externas laterais  dos pneus.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Relação entre largura e altura da seção

É a proporção em porcentagem entre a altura da seção lateral e a largura nominal do pneu. Gravado no flanco, o número 75, por exemplo, significa que sua altura é de 75% de sua largura.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Tipo de construção

Neste ponto, você reconhece o pneu pelas marcações “R” para construção radial e “D” para diagonal. Quando não existe marcação, o pneu é de construção diagonal.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Diâmetro do Aro

Esse é o diâmetro nominal do aro, medido em polegadas.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Índice de carga

É um código numérico associado a carga máxima que um pneu pode carregar em condições de serviço especificadas pelo fabricante do pneu. Na figura acima, os números 126/123 correspondem à um índice em kg no rodar simples e no duplo.

Ex: Índice de carga 126 = 1.700 kg por pneu.

Clique aqui para conferir a tabela de índice de carga.

____________________________________________________________________________________________________________________________

Símbolo de velocidade

Este símbolo indica a velocidade máxima na qual um pneu pode levar uma carga correspondente a seu índice de carga nas condições de serviço especificadas pelo fabricante do pneu.

Ex: Q = 160 km/h.

Clique aqui para conferir a tabela de símbolo de velocidade.

____________________________________________________________________________________________________________________________

DURASPEC™ Três Lonas de Carcaça na Lateral

Pensada para suportar as condições off-road mais severas, a tecnologia Duraspec™ foi desenvolvida exclusivamente pela Falken. Além das três camadas na lateral, conta também com duas viradas altas de lona de carcaça que fornecem proteção adicional ao pneu e, consequentemente, maior durabilidade.

Calibragem

Quando devo calibrar o pneu?

O ideal é verificar o nível de pressão do seu pneu Falken semanalmente, sempre antes das rodagens.

Para verificar a calibragem dos pneus, eles devem estar quentes ou frios?

O correto é verificar a pressão apenas quando os pneus estiverem frios. Quando fizer a verificação, utilize um manômetro de boa qualidade, mas lembre-se: nenhum deles é 100% preciso.

Por que é importante manter a pressão correta do pneu?

A pressão dos pneus é essencial para garantir a estabilidade e segurança do veículo, além de oferecer maior economia, já que preserva a durabilidade dos pneus.

Devo calibrar meu pneu com a pressão máxima?

A pressão máxima não é necessariamente a mais adequada ao automóvel. Utilize sempre a pressão recomendada pelo fabricante do veículo, informada no manual do proprietário.

Manutenção

Qual o momento certo de trocar meus pneus Falken?

Até um pneu Falken precisa ser substituído de vez em quando. Geralmente, os motivos que levam a esta decisão são o nível de desgaste, envelhecimento ou danos. Por isso, verifique regularmente se a profundidade dos sulcos de seus pneus Falken não atingiram 1.6 mm. Aconselhamos que você os troque antes de atingirem esse nível, pois até mesmo um pneu Falken, com tecnologia duradoura, deixa de ser seguro quando fica “careca”. Se por acaso você passou por obstáculos difíceis ou objetos pontiagudos na estrada, encontre o quanto antes um profissional de confiança para dizer se o seu pneu Falken pode ser reparado ou se deve ser trocado.

Eu mesmo posso fazer a montagem?

A Falken não aconselha você a fazer a montagem dos pneus por conta própria. Pode parecer simples, mas, se essa montagem não for feita por um profissional habilitado e competente, pode acabar afetando a durabilidade do pneu e prejudicar o seu conforto na hora de dirigir.

Posso ter pneus Falken diferentes no mesmo carro?

Pode, mas atenção: não monte pneus de desenhos diferentes no mesmo eixo. Pode afetar o comportamento e a geometria do veículo.

Quando devo fazer o rodízio de pneus?

Fazer rodízio significa mudar os pneus de lugar de vez em quando. Isso permite que o desgaste entre os pneus seja uniforme, garantindo vida mais longa. O rodízio dos pneus Falken pode ser feito logo ao notar diferença de desgaste entre os pneus dianteiros e traseiros, ou geralmente entre 5.000 km e 10.000km.

Como faço o rodízio de pneus?

Se o seu veículo possui tração dianteira, provavelmente os pneus dessa parte sofrerão um desgaste maior. Nesse caso, troque os pneus da frente para trás em linha reta, e quando os traseiros forem para frente, troque-os de lado. Já em veículos com tração 4×4, o melhor padrão de rodízio é em X. Isso significa que além dos pneus dianteiros trocarem de posição com os traseiros, também trocam de lado entre si.

Posso reparar um pneu vazio?

Depende do tamanho do furo que ocasionou o esvaziamento. A maioria dos furos de até 6 mm pode ser reparada por um mecânico qualificado. Acima disso, o pneu deverá ser substituído, por segurança. Recomendamos a troca de pneus com furos/cortes na lateral ou com menos de 1,6 mm de profundidade da banda de rodagem.

Banner FAQ

A minha maneira de dirigir pode afetar o meu pneu Falken?

Sim, principalmente se você dirige em altas velocidades (em curvas e esquinas), costuma fazer arrancadas ou realizar paradas bruscas. Tudo isso aumenta o desgaste do pneu Falken e encurta sua vida útil. Você também pode tomar precauções para não perder seu pneu Falken antes da hora. Por exemplo: não conduzir nas margens da pista, não subir em calçadas, evitar buracos na pista e outras obstruções.

Como saber se meu pneu tem sentido de rodagem ou montagem?

Os pneus direcionais Falken possuem sentido de rodagem e, os pneus assimétricos, sentido de montagem. Para identificar, observe as setas da lateral e as inscrições outside/inside.

O que é alinhamento de direção?

Alinhamento é a regulagem da direção e da suspensão do veículo para manter as rodas com ajustes conforme o recomendado pelo fabricante do veículo. Isso evita desgastes anormais rápidos, que comprometem a durabilidade dos seus pneus Falken.

Quando devo fazer o alinhamento?

  • Em todas as revisões ou pelo menos a cada 10 mil quilômetros.
  • Após um impacto forte contra obstáculos na pista.
  • Ao substituir qualquer elemento da suspensão ou da direção, ou mesmo os pneus.
  • Sempre ao notar que o veículo está “puxando” para algum lado, dificultando a trajetória em linha reta.
  • Quando seus pneus Falken apresentarem desgastes irregulares.


O que é balanceamento?

Balanceamento é o processo de equilibrar o conjunto de pneus Falken e rodas do veículo. Ele é necessário para evitar trepidações no volante e instabilidade na direção, além de suprimir o desgaste irregular dos pneus.

Quando meu veículo precisa de balanceamento?

  • Sempre que substituir os pneus Falken ou consertar suas câmaras.
  • Ao notar vibrações no volante ou guidão.
  • A cada 10 mil quilômetros rodados.

Descarte do pneu

Como devo descartar meus pneus?

A Sumitomo Rubber do Brasil faz parte do programa Reciclanip, que tem como objetivo a coleta e correta destinação de pneus inservíveis no Brasil.

No site da Reciclanip é possível encontrar os pontos de coleta mais próximo de você.

Posso guardar meus pneus inservíveis em casa?

Pensando na preservação do Meio Ambiente e da saúde pública, o ideal é deixar o pneu inservível no estabelecimento comercial onde você realizou a troca do pneu. Assim, podemos ficar tranquilos, pois o pneu será encaminhado para uma destinação ambientalmente correta.

Caso você queira reutilizar o pneu em sua casa, jamais deixar armazenado a céu aberto com possibilidade de acumulo de água.

Para onde vão os pneus inservíveis?

Os pneus inservíveis podem ser destinados de forma ambientalmente correta, como:

  • Co-processamento: Que é o reaproveitamento como combustível em cimenteiras.
  • Utilizados na fabricação de asfaltos;
  • Ou ainda encaminhados para fabricação de artefatos de borracha.